“Comissão da Saúde da Câmara Municipal de Lagoa Santa” vai fiscalizar as UBS do município

0
205
Foto: Minas de Fato

Hoje (03/07) o dia começou bem cedo para quatro representantes da Câmara de Vereadores de Lagoa Santa. Fabiano Moreira (PSB), Waguinho da Lapinha (PRTB), Paulo da ADM (PEN) e Dr. Neil (PPS) chegaram ao Posto de Saúde do bairro Aeronautas junto com os pacientes/moradores. Eles são integrantes da “Comissão da Saúde da Câmara Municipal de Lagoa Santa” criada com o intuito de contribuir positivamente para a cidade, apurando queixas apresentadas pelos usuários.

Foto: Minas de Fato – Moradores aguardando atendimento

Segundo Fabiano Moreira, presidente da Comissão, escutar as demandas e procurar as soluções são as principais atividades. Eles visitaram de surpresa, na ultima terça (26), a Unidade Básica de Saúde da Lapinha e encontraram alguns problemas. “Nós não estamos especificando dia ou local das visitas para mantermos este caráter de fiscalização.”, explica.

As 9h eles ainda estavam conversando e ouvindo as reclamações e questionamentos dos moradores que se sentem “abandonados” quando o assunto é a saúde do município. De acordo com o vereador Dr. Neil, que atuava como médico no posto de saúde do bairro Aeronautas, as reclamações tem sido muito parecidas em todas as regiões da cidade. Geralmente as reivindicações são em relação a demora na marcação de exames simples como Raio-X, ultrassom e exames de sangue, extrema espera nas consultas de especialidades, falta de medicamentos e dificuldade de deslocamento para buscar remédios na farmácia central. “Infelizmente alguns medicamentos são encontrados apenas no centro e os moradores reclamam desta logística.”, diz.

Foto: Minas de Fato – Gilton Silva morador do bairro Aeronautas

Morando há 22 anos no bairro Aeronautas o Sr. Gilton José da Silva (76) disse que essa deve ser a postura dos vereadores que precisam acompanhar e cobrar bons serviços da Prefeitura. “Precisamos que melhore e diminua a demora nos atendimentos. Isso vai aliviar bastante para todos nós moradores.”, afirma. O Sr. Gilton disse que já precisou fazer exames e consultas pagas, por causa da demora no atendimento. “Eu já tive que esperar mais de um ano, assim não dá.”, reclama.

As queixas ouvidas pela Comissão serão repassadas para Prefeitura de Lagoa Santa através de um relatório que será feito pelos próprios parlamentares e entregue ao secretario de saúde Gilson Urbano. Os vereadores disseram que vão ficar atentos quanto aos prazos para resolução.

Sobre o espaço físico – De acordo com os funcionários do posto de saúde do bairro Aeronautas algumas solicitações já foram feitas (não informaram para quem) e até o momento não foram atendidas. Umas delas são bancos de espera para a sala de vacina que funciona as segundas, quartas e sextas e, geralmente, tem alta demanda. A farmácia do posto tem apenas um funcionário e muita fila de espera. As cadeiras da recepção estão danificadas, o estofado está em péssimas condições e muitos pacientes aguardam o atendimento de pé.

Foto Minas de Fato